[ editar artigo]

Um amor chamado Fotografia

Um amor chamado Fotografia

Conheça a história da Fer Fausto, a "chaveirinho" da turma de Fotografia do Centro Europeu. Ela faz um relato emocionante sobre superação pessoal e a descoberta da fotografia como inspiração. <3

Olá pessoal, tudo bem com vocês? Bom, quem me conhece sabe que sou uma pessoa bem descontraída e por isso vou contar um pouco da minha história de maneira mais informal!!

Eu sou a Fer, também conhecida como "chaveirinho da turma", e sou aluna do Centro Europeu! Desde pequena (não que eu tenha crescido muito ainda HAHAHA) sempre fui fascinada pelos sentimentos mais profundos do ser humano, sejam eles tristeza, alegria, amor, compadecimento, curiosidade... todos eles de maneira em geral! E por isso sempre gostei de fotografar, para registrar esses sentimentos ou momentos, tanto bons quanto ruins!

Em 2017 comecei um curso de faculdade, na área da saúde, impulsionada por toda essa afeição pelos sentimentos! ODIEI meu curso, e em maio, logo após o falecimento do meu pai, desisti daquilo que cursava.

Durante todo esse meio tempo fiquei meio perdida, e me auto descobrindo! Foi nesse momento que um amigo, fotógrafo, me apresentou esse mundo que eu simplesmente me apaixonei! E descobri a necessidade de aprender mais sobre fotografia! Pesquisei e vi que a melhor opção era o Centro Europeu.

Quando fui visitar, antes mesmo de fazer a matrícula, me encantei pelo ambiente (é tudo simplesmente maravilhoso), toda a estrutura e tudo que eu precisava para aprender está ali!

Fiz minha matrícula e me mudei para Curitiba. E agora posso dizer com toda a convicção que sou feliz aprendendo aquilo que eu tanto amo! Quando estou no Centro Europeu, me sinto em casa (mesmo estando a 365km de casa).

Eu não sabia fazer quase nada com uma câmera, e vejo o quanto estou evoluída, o quanto eu aprendi e o quanto os professores tiveram e têm paciência comigo em me ensinar cada detalhe!

As coordenadoras do curso são mãezonas e cuidam de cada um de nós como filhos! Os meus colegas são uns amores. E as aulas, além de produtivas, são divertidas. Aprendemos na prática, dialogando e até mesmo ouvindo experiências que muitas vezes são engraçadas!

Sem mais delongas, eu sou a prova viva que às vezes temos que nos perder para nos encontrarmos! E hoje eu me achei... Na fotografia eu consigo ser quem eu realmente sou, a Fer cheia de sentimentos! Seja fotografando uma paisagem ou um casal, eu sinto amor em tudo isso.

Tente algo novo! Aventure-se, e você poderá encontrar a paixão em sua vida, assim como eu! E nunca esqueça ... ´´Nunca se é muito velho para definir um novo objetivo, ou para sonhar um novo sonho”. - CS Lewis -

Um Grande Abraço!

Fer Fausto.

Mundo Centro Europeu
Ler matéria completa
Indicados para você