[ editar artigo]

Tudo o que você precisa saber para fazer vídeos com o celular

Tudo o que você precisa saber para fazer vídeos com o celular

Hoje, não há desculpa para não registrar um momento importante, profissional ou pessoal. Preparei algumas dicas para você que produz conteúdo com seu celular, mas não sabe se está fazendo certo.

Quase todo mundo tem um smartphone no bolso e boa parte deles são os mais atuais, com câmeras que fazem imagens com qualidade impressionante. Mas para que seus vídeos fiquem com uma estética melhor, é necessário seguir alguns passos bem simples.

Separei algumas dicas que fazem toda diferença na hora de produzir um vídeo, e você nem precisará investir em aplicativos de produção de vídeo profissional.

 

USE SEMPRE UM TRIPÉ

A sua mão, por mais firme que possa parecer, é feito de átomos, que por sua vez estão em constante movimento. Os smartphones mais avançados não vêm com uma tecnologia de estabilização de imagem como as câmeras fotográficas. Então, ele percebe todo o movimento da sua mão. Para neutralizar isso, você pode usar um tripé ou um GorillaPod (que é um tripé articulado que pode ser fixado em qualquer superfície).

Imagem do GorillaPod retirada do mercadolivre.com.br

 

VERTICAL OU HORIZONTAL?

Não existe nada de errado em fazer um vídeo na vertical, desde que ele seja postado em uma mídia que aceite esse formato (IGTV ou Stories). Mas se o intuito não for esse, e você pretende colocar esse vídeo em uma plataforma que exibe vídeos na horizontal, é melhor que você faça seu registro nesse formato também.

CUIDADOS COM O CENÁRIO

Sacola, lata de lixo, copo e prato de plástico, interruptor, tomada, cabos, louça suja e por aí vai, são elementos que estragam a cena. Pense que o seu vídeo é um filme de Hollywood e não pode aparecer nada que retire a atenção da sua cena principal.

É importante não perder o momento, mas qualquer deslize nesse quesito pode distorcer o conteúdo gravado.

Cuidado com lugares públicos, pois as pessoas têm tendência a cometer gafes para onde a câmera está apontando e isso afeta todo o sentido do vídeo.

Não grave em banheiros ou próximo a eles.

Anote bem isso: nada de banheiros.

 

CONFIGURE A EXPOSIÇÃO E O FOCO

O seu smartphone é um verdadeiro computador, ele faz ligações, manda mensagens, tem jogos, aplicativos de viagem, de organização financeira, do banco, delivery de comida, delivery de carro, delivery de tudo e ainda faz uns vídeos maneiros.

Mas ele não é uma câmera profissional e não consegue expor bem a luz quando você está em uma sombra ou dentro de uma sala. Note que a janela sempre aparece “estourada”, com uma luz muito forte.

Quando você move o seu smartphone, ele fica corrigindo o que chamamos de exposição e ao mesmo tempo o foco. Ele faz isso eletronicamente, então, da mesma forma, você precisa configurar para que ele não fique “dançando” com essas configurações enquanto você faz uma cena.

Para fazer isso é muito simples, basta escolher o ponto que você quer que fique em foco, clicando sobre ele e segurando o dedo na tela por dois segundos, automaticamente apareça um aviso de bloqueio e já é possível mover a câmera para um lado e para o outro sem que essas configurações fiquem mudando. Isso torna o seu vídeo mais profissional.

 

PRECISAMOS FALAR SOBRE O ZOOM

Nem no Cinema se usa ZOOM, então por que você usaria com o seu smartphone? Note que quando você muda da função foto para a função vídeo, a imagem corta. Isso acontece devido ao efeito de crop do sensor.

Esse sensor, que tem dentro do mecanismo do seu aparelho, é muito pequeno, quando você usa a função vídeo, ele corta um pouco da imagem para obter o máximo de informação.

Mas, se você usar o zoom, poderá notar que a imagem ficou cheio de ruído, com pixels saltados, sem contar que é bem perceptível as “tremidas” da sua mão.

 

Anote com atenção: NADA DE ZOOM.

 

O VÍDEO FICA BOM, MAS E O ÁUDIO?

Seu smartphone pode ser muito potente para vídeo, mas é uma negação para o áudio, não importa qual seja. Para resolver isso existem soluções práticas no mercado. Um microfone de lapela, por exemplo, pode deixar a captação sonora bem melhor.

Eu sempre uso uma frase para demonstrar a importância do som - Se o vídeo estiver meia boca, mas o áudio está bom, eu continuo vendo, mas, se o vídeo estiver deslumbrante e o áudio estiver ruim, eu não assisto mais.

Com essas dicas simples, você já conseguirá resultados bem melhores para seus vídeos. Lembre-se, o vídeo não é uma foto, ele precisa contar uma história do começo ao fim, levar o espectador do ponto A ao ponto B, para que, dessa forma, ele se torne uma fonte de entretenimento para aqueles que irão assistir, sem contar que fica bem melhor quando tem uma história rolando.

 

Bons vídeos!

Gostou do assunto? Confira o Nano Curso do Gabriel para aprender a fazer Produção de Vídeos com o seu celular usando princípios da produção cinematográfica!

https://nanocursos.com.br/producao-de-videos-web/

Mundo Centro Europeu
Ler matéria completa
Indicados para você