[ editar artigo]

Desmistificando o Talento

Desmistificando o Talento

Quando sugerimos que uma pessoa possui talento, acreditamos que ela nasceu com aquela habilidade específica. Porém isso não é um fator predominante para escolher um novo hobby ou uma profissão. 

 

Eu sou arquiteta com mais de oito anos de atuação e completamente apaixonada pela minha profissão.

Porém entrei na faculdade de Arquitetura sem saber desenhar nenhuma linha. Nem preciso dizer que o começo do curso foi muito puxado para mim.

Eu com certeza tive que me esforçar muito mais que os meus colegas que já possuíam uma certa facilidade para o desenho. Mas com muitos desafios enfrentados, no final eu fui capaz de melhorar e aprimorar técnicas, e hoje sou uma profissional.

Como professora, cabe a mim ensinar aos alunos como representar os projetos através do desenho.  

Muitas vezes os alunos, oriundos das mais variadas áreas, Direito, Contabilidade, Medicina, etc., me olham com um olhar de desespero na primeira aula.

Mas, ao longo de 8 encontros, partimos de nenhum ou muito pouco conhecimento de desenho para o desenvolvimento de plantas, cortes e elevações.

Eu sempre começo o meu módulo exatamente desmistificando o talento contando a minha trajetória.

O talento não deve ser um fator de escolha do que você pode ou não fazer.

Não importa se você não sabe desenhar, se você estiver comprometido em aprender, estiver motivado e focado, você poderá ser sim um excelente Designer de Interiores ou executar qualquer outra atividade que você queira fazer!

 

 

Renata Diniz é professora de Representação Gráfica do curso de Design de Interiores do Centro Europeu.

Mundo Centro Europeu
Renata Diniz
Renata Diniz Seguir

Renata é arquiteta. No Centro Europeu é professora de Representação Gráfica desde de 2015.

Ler matéria completa
Indicados para você